28 de março de 2014

O carrossel dos Capitães da Areia

A obra Capitães da Areia apresenta tantos capítulos bons que se torna impossível dar destaque somente a um. Porém, a adaptação/filme consegue articular algumas linguagens que capturam a emoção transmitida por Jorge Amado no capítulo "As luzes do Carrossel" que no longa é acompanhado pela canção de Arnaldo Antunes Contato Imediato
Se a cena descrita no livro já continha uma enorme carga emocional no filme ela atinge seu ápice com a canção de Antunes.
Assim como o capítulo do livro, a cena do filme está eternizada em minha memória.

Peço por favor
Se alguém de longe me escutar
Que venha aqui pra me buscar
Me leve para passear

No seu disco voador
Como um enorme carrossel
Atravessando o azul do céu
Até pousar no meu quintal



Publicação do Renato em seu Facebook. 
Ele escreve no Atextando e quase sempre é comentado em algumas postagens aqui.

O TCC está bem (mal, é claro!!! HAHA Brincadeirinha), então decidi aproveitar o bom momento e tirar essa postagem dos rascunhos...

Beijos!

21 de março de 2014

Enquanto isso, por aqui... Calendário da "Feira de Troca de Livros e Gibis" de 2014, Jeff Buckley e #TCCdaParvatis

Maura, mas o blog não estava de férias?
Ele ainda está... Porém, precisava compartilhar três coisinhas com vocês:

1) o calendário da feira de troca de livros e gibis desse ano (eba!!!);
Datas e locais das Feiras de Troca de 2014

8 de março de 2014

Férias (ou, Uma pausa para dar um jeito na minha vida acadêmica)


Sou assim, deixo tudo para a última hora.
Dizem que é mania de brasileiro, se é, que façamos uma pesquisa em escala nacional! A minha resposta vocês já sabem: deixo para a última hora, para o último minuto! Se posso fazer em 3 horas pra que fazer em 3 semanas?
Quem sabe, algum dia, eu pare com isso. Pague a conta antes do vencimento e estude antes da prova. Não, Maura, estudar 10 minutos antes não vale... Nos últimos três anos até passei a ser mais organizada, mas se estou pedindo uma pausa é porque algo deixei de fazer... Ih, o que será mesmo?
Esquecida e enrolada, essa sou eu. Engraçado é eu ter conseguido manter um blog por tanto tempo sendo assim...

A pausa para resolver minhas pendências da faculdade e que foi apelidada carinhosamente de Férias, algo que não terei esse ano, já deveria ter sido pedida antes, bem antes!, precisamente, um semestre atrás, porém, como vocês já tomaram conhecimento: deixo tudo para a última hora.
Não queria parar de postar sem registrar o por quê do sumiço. Sei que existem pessoas que leem o que escrevo *acena* e explicar por cima o motivo é o mínimo que eu posso no momento. Já, já eu volto e pago um rodízio de pizza! 

Em maio entrego o meu artigo acadêmico, no mês seguinte os relatórios do estágio e eu sinto vontade de me estapear por ter deixado para a última hora, para o bendito último semestre que nem poderia ter esse nome porque somando os dias, 4 meses é a duração desse período. Que vontade de me estapear!!!
Aí vocês me olham e perguntam: Maura, peraí... Você não começou nem a escrever o artigo?! 
Opa, pelo menos, isso eu comecei!
Então, na realidade, o que deveria estar entre parênteses como título é essa frase: Uma pausa para escrever um artigo bonitinho que receberá uma linda nota!
Um 8,5 me deixaria radiante... Imagina... um 9,0! *sonhando acordada*
Certo, certo. Um 7,0 está de ótimo tamanho e me deixará saltitante, ainda mais!

Se eu sobreviver ao próximos 40 dias (período em que me lançarei na escrita desse maldito esperado artigo - ainda bem que não é uma monografia!), volto com a programação do blog e com algumas postagens que estou devendo desde janeiro.
Enquanto estiver lendo, escrevendo, surtando ou sendo trollada pelo academiquês, continuarei com minhas leituras... Já que foram os livros -  e sempre serão eles - que me resgatarão quando eu estiver afundando.
Ah, e os filmes também estão me ajudando a não chorar toda vez que retorno aos textos... O último que assisti e me deixou animada para retornar à pesquisa foi Germinal. Filmaço!!!
Sim, estava quase me esquecendo dele: Bob Dylan! Obrigada pela inspiração, tio Bob!

É isso!
Até mais!

6 de março de 2014

Novos na Estante #16

Sim, essa coluna ainda existe!

Essa postagem foi alimentada pelos livros novos que ganhei durante os dois primeiros meses do ano e por uma preguiça dominadora que não me deixou tirar fotos decentes usando a câmera. 
Se ganhar mais alguns livrinhos no decorrer do ano, volto com fotos melhores que estas (celular + iluminação precária = não dá, Maura)

Simbora conferir os títulos dos livros novos na minha estante?!


5 de março de 2014

Programações das Bibliotecas: Março - Parte II

Cinema nas Bibliotecas
*
Irei na...
CLÁSSICOS DO CINEMA AFRICANO
Filmes clássicos de grandes cineastas africanos, restaurados pela Cinémathèque Afrique, entidade que incentiva a produção e a difusão do cinema africano e que faz parte do Institut Français, órgão de promoção e cooperação cultural francês.
Biblioteca Viriato Corrêa 


"CLÁSSICOS DO CINEMA AFRICANO
Sala equipada com projeção eletrônica e som 5.1 com 101 lugares
Bako
Filmes clássicos de grandes cineastas africanos, restaurados pela Cinémathèque Afrique, entidade que incentiva a produção e a difusão do cinema africano e que faz parte do Institut Français, órgão de promoção e cooperação cultural francês.


Jom ou a história de um povo
Jom ou l'Histoire d'un peuple, França, Senegal, 1981, 76 min, legendado, DVD
Direção: Ababacar Makharam. Elenco: Oumar Seck, Oumar Gueye, Amadou Lamine.
O Jom é a origem de todas as virtudes, a dignidade, a coragem, uma certa beleza do gesto, a fidelidade do compromisso, o respeito pelo outro e por si mesmo. Klaly, o feiticeiro africano, encarnação da memória africana, atravessa as épocas para ser uma testemunha da resistência à opressão: a que opõe o colonizador ao povo escravizado, o senhor ao criado, o patrão aos operários. Para maiores de 12 anos.
Dia 7 de março às 15h

Os combatentes africanos da Grande Guerra
Les Combattants Africains de la Grande Guerre, França, 1983, 82 min, legendado, DVD
Direção: Laurent Dussaux.
Reunindo reportagens filmadas em Senegal e Burkina Faso, assim como documentos de arquivo, este filme propõe uma nova abordagem da história: através dos testemunhos de combatentes sobreviventes entre os 200 mil soldados da África Ocidental que foram enviados para a Primeira Guerra Mundial. Documentos históricos preciosos, muitas vezes inéditos, como o embarque das tropas em Dakar, a travessia até a França, a vida nas trincheiras. Para maiores de 12 anos.
Dia 7 de março às 17h

Safrana, ou o direito à palavra
Safrana, ou le droit à la parole, França, Mauritânia, 1978, 121 min, legendado, DVD
Direção: Sidney Sokhona.
Quatro trabalhadores imigrantes africanos decidem abandonar Paris para frequentar locais de agricultura numa região rural francesa depois tentarem se reinserir no seu país de origem. Para maiores de 12 anos.
Dia 8 de março às 15h

Taafe Fanga, poder de saia
Taafe Fanga, Pouvoir de pagne, França, Mali, 1997, 103 min, legendado, DVD
Direção: Adama Drabo.
O ilustre feiticeiro africano Sidiki Diabaté nos convida para a falésia de Bandiagara, ao passado do povo dogon. L'Albarga, a máscara dos espíritos da falésia, símbolo de poder, cai nas mãos de Yayème, uma adolescente, e provoca uma desordem em Yanda. As mulheres trocam a saia pelas calças dos homens. Maldição? Castigo divino? O poder das mulheres se instala. A nova ordem resistirá a todas as contradições? Para maiores de 12 anos.
Dia 8 de março às 17h

Tabataba
Tabataba, França, Madagascar, 1987, 79 min, legendado, DVD
Direção: Raymond Rajaonarivelo. Elenco: François Botozandry, Lucien Dakadissy, Soatody.
Em 1947, os habitantes da aldeia de Tanala, na costa Leste de Madagascar, participam da grande revolta contra a colonização francesa. A história da insurreição e da sua repressão é vencida através dos olhos de Solo, jovem rapaz para quem a vida quotidiana e a infância não serão nunca transtornadas. Para maiores de 12 anos.
Dia 9 de março às 17h


CURTAS - Dia 14 de março às 15h

África sobre o Sena
Afrique sur Seine, França, Senegal, 1957, 21 min, legendado, DVD
Direção: Mamadou Sarr, Paulin Vieyra. Elenco: Marpessa Dawn, M Bathily, AM Baye.
A África está na África, sobre as margens do Sena ou no Quartier Latin? Interrogações de uma geração de artistas e estudantes à procura de sua cultura e seu futuro. Para maiores de 12 anos.

Os Príncipes Negros de Saint-Germain-des-Prés
Les Princes noirs de Saint Germain-des-Prés, França, Senegal, 1975, 14 min, legendado, DVD
Direção: Ben Diogaye Beye. Elenco: Aziz Diiop, Muriel Dovaz, Moussa Sarr.
Nas esplanadas de Saint-Germain-de-Pres, as jovens brancas que procuram exotismo são as preferidas de jovens elegantes e pretensiosos. A imaginação deles nunca é pouca para entreter e convencer as suas crédulas conquistas. Momentaneamente sem dinheiro, eles não serão ao menos "príncipes" vindos de lendários reinados? Para maiores de 12 anos.

Paris é Bonita
Paris c'est joli, França, 1974, 23 min, legendado, DVD
Direção: Inoussa Ousseini. Elenco: Jo Anouma, Charlotte French.
Um jovem africano chega à França clandestinamente. Em 24 horas ele será mistificado, enganado e destituído de seus poucos bens. Para maiores de 12 anos.


CURTAS - Dia 14 de março às 17h

O regresso de um aventureiro
Le Retour d'un Aventurier, França, 1966, 34 min, legendado, DVD
Direção: Moustapha Alassane. Elenco: Zalika Souley, Djingarey Maiga, Moussa Harouna.
De regresso de uma viagem aos Estados Unidos, um jovem nigeriano oferece aos amigos da sua aldeia equipamentos de cowboys. A gangue vai perturbar a vida da aldeia e vai transformá-la em cidade de “far west”. Para maiores de 12 anos.

Os cowboys são negros
Les Cow-boys sont noirs, França, 1966, 15 min, legendado, DVDD
Direção: Serge-Henri Moati. Elenco: Moustapha Alassane, Petit Bana, Djingarey Maiga.
Moustapha Alassane, cineasta nigeriano, realizou "Le Retour d'un" (O regresso de um aventureiro), primeiro western africano. "Os cowboys são negros" conta a historia da gravação deste filme de ação e de amor e mostra como é tênue a fronteira entre a realidade e a ficção, o cinema e a vida. Para maiores de 12 anos.


Bako, a outra margem
Bako, l'autre rive, França, Mali, 1978, 109 min, legendado, DVD
Direção: Jacques Champreux. Elenco: Sidiki Bakaba, Cheik Doukouré, Guillaume Correa.
A lenta imersão na miséria, o desprezo e, por vezes, a morte por que passam milhares de homens deslumbrados pela miragem de "Bako", palavra bambara que significa "a outra margem", utilizada pelos imigrantes nordestinos do Mali para designar a França. Para maiores de 12 anos.
Dia 15 de março às 15h


Finzan
Finzan, França, Mali, 1989, 105 min, legendado, DVD
Direção: Cheick Oumar Sissoko.
Este filme confronta as tradições patriarcais do Mali, incluindo a controversa questão da circuncisão feminina. A viúva recente Nanyuma se sente livre do tratamento cruel de seu falecido marido. Ela sai da aldeia com sua sobrinha Fili, mas é eventualmente forçada a regressar. Nanyuma percebe que sua única chance de reclamar a sua própria liberdade será abandonando a comunidade. Para maiores de 12 anos.
Dia 16 de março às 17h"
***

*
Parece ser legal... 
Rock de Roda
Com João Jorge e Fernando Lara

Rock e poesia se misturam em uma roda de músicos que resgatam clássicos da música brasileira. Para maiores de 12 anos
Dia 29 de março às 19h – Biblioteca Álvares de Azevedo
***

Também parece ser legal...
Sarau Café com Poesia

O Café com Poesia tem por finalidade realizar um Sarau com diversas expressões artísticas, organizado em ciclos de apresentações intercaladas, com mensagens culturais e abertura de espaço para interação dos espectadores. Um evento de criação de Alexandre Jazara em parceria com a Sociedade Mundial dos Poetas.
Dia 29 de março às 12h – Biblioteca Hans Christian Andersen 
***

Poesia na Biblioteca Alceu Amoroso Lima

Manifestações culturais do Coletivo Poesia Maloqueirista e do Coletivo Periferia, nossa Faixa de Gaza em comemoração ao dia nacional e internacional da poesia.
*

V Festival Sul-Americano da Cultura Árabe

O Sistema Municipal de Bibliotecas apresenta em parceria com o BibliASPA, o maior festival de cultura Árabe do mundo. Com exposições, palestras, oficinas, cinema, curso de formação para contadores de histórias e apresentação de dança árabe
V Festival Sul-Americano da Cultura Árabe

Programação que destaco...

Teatro nas Bibliotecas

Programação de março de 2014


Baião de Dois
Com a Trupe Baião de 2
Uma apresentação de circo que integra as linguagens da dança, da música e da literatura popular, fazendo uso da estética regional nordestina. Mostra a busca de dois retirantes por um novo lar e um novo futuro.
Dia 15 de março às 11h – Biblioteca Belmonte

O caso dos dez negrinhos
Com Cia. Ciabatta de Teatro
Dez desconhecidos são convidados para passar alguns dias numa ilha perto de uma aldeia pouco movimentada. O que eles tem em comum? 
Espetáculo baseado na obra literária de Agatha Christie. Adulto.
Dia 29 de março às 19h – Biblioteca Alceu Amoroso Lima 
*

CIRCUITO DE TEATRO INFANTIL 2014

Nas redondezas do quadrado
Com Cia Ilustrada
Uma simpática circunferência chamada Circum resolve sair rolando estrada afora até além das fronteiras de país, o País dos Redondinhos, indo parar na Quadradolândia, onde, claro, tudo é quadrado. Por meio da geometria, o texto fala da importância e do respeito às diferenças. +3

Dia 9 de março às 11h – Biblioteca Padre José de Anchieta 
Dia 16 de março às 15h – Biblioteca Viriato Corrêa 
Dia 22 de março às 11h – Biblioteca Belmonte
Dia 23 de março às 11h – Biblioteca Cora Coralina 
Dia 26 de março às 14h30 – Biblioteca Infantojuvenil Monteiro Lobato 
Dia 27 de março às 15h – Biblioteca Helena Silveira 
Dia 29 de março às 14h – Biblioteca Mário Schenberg 



O buraco do muro
O Buraco do Muro 

Com Maracujá Laboratório de Artes
Os amigos Lucas, Fred e Eder estão o tempo todo ligados na rede. Sempre com seus celulares e computadores em mãos, eles não aderem aos livros nem quando devem fazer um trabalho de literatura do colégio. Preferem copiar e colar da internet. Tudo muda quando eles começam a receber mensagens de texto misteriosas em seus telefones. Através delas, os garotos são guiados para dentro de grandes títulos, como Alice no País das Maravilhas, Dom Quixote e Moby Dick. Livre
Dia 8 de março às 11h – Biblioteca Belmonte
Dia 9 de março às 11h – Biblioteca Cora Coralina
Dia 12 de março às 14h30 – Biblioteca Infantojuvenil Monteiro Lobato
Dia 15 de março às 14h – Biblioteca Mário Schenberg
Dia 16 de março às 11h – Biblioteca Álvares Azevedo
Dia 22 de março às 14h – Biblioteca Hans Christian Andersen
Dia 23 de março às 11h – Biblioteca Padre José de Anchieta
Dia 30 de março às 15h – Biblioteca Viriato Corrêa



Até o vento levar
Até o Vento Levar 

Com Grupo Pasárgada
Este espetáculo é a encenação de uma fábula sobre meio ambiente, qualidade de vida e cidadania, baseada no livro homônimo de José Geraldo Rocha. Os personagens do enredo são: O Jornal de ontem, o Caroço de Manga, o Vidro de Perfume Francês, a Lata de Refri e o saco de plástico. Livre
Dia 8 de março às 14h – Biblioteca Hans Christian Andersen



Beijos e... Eu irei conferir "O Buraco do Muro" e vocês?

3 de março de 2014

Retrospecto Mensal: Fevereiro/2014

De boa, lendo para o elefantinho... Fonte.

Segundo mês dos 361 dias sem comprar livros finalizado com suces... O.K, eu comprei um livro... Confesso que pequei... Não, para com isso, Maura!!! 

Qual foi a aquisição?! 
Pedagogia da Autonomia, do Paulo Freire porque eu preciso ler esse livro desde o início do curso. Ah, e é um livro para a faculdade, para a minha formação então, não considero que tenha falhado (mas já?!) com o desafio de ficar todos esses dias sem comprar livros :-)