23 de janeiro de 2014

Os "100 livros essenciais da literatura brasileira''

Eu gosto de listas! 
As melhores leituras do ano de uma pessoa, os melhores livros do ano eleitos por uma revista. Também adoro ler sobre os, por exemplo, 100 livros que devem ser lidos antes de morrer. É claro que eu fico um pouco triste porque daqueles livros só conseguirei ler uns 10, 15 durante a vida. 

Quando vi que a revista Bravo selecionara "os 100 melhores livros dos melhores autores do país.", pensei: Cara, não li nem metade disso... Fiquei triste pelo motivo expressado acima, mas também porque leio muita pouca literatura brasileira. 
No último ano li bem mais literatura infantil e brazuca, porém, dessa lista da Bravo que imprimi e coloquei na porta do guarda-roupa (hehe!), dos 100 livros essenciais li menos do que havia me prometido à época de sua publicação, em 2011. 
Ontem, decidi postar essa lista aqui e deixar público o meu desejo de ler 90% dos 100 livros considerados essenciais da nossa literatura, alguns são temidos conhecidos por sempre caírem nos vestibulares, mas acredito que eles representem/representaram - cada um - um período do país e ajudaram a representar a identidade da literatura brasileira, iria gritar: Nem todos!, mas até os escritos do Bilac são representativos mesmo eu torcendo o nariz para ele e seus amigos. Sim, Bilac tá nos 10% que não lerei, mas talvez com o passar do tempo, a minha birra com ele diminua um pouco e eu o leia.

Esse será um novo desafio literário para mim, começa em 2014 e termina... Ah, será que em 2 anos consigo ler os demais livros da lista? 
A seguir a lista, os que já li estão riscados:


Adélia Prado: Bagagem;
Aluísio Azevedo: O Cortiço;
Álvares de Azevedo: Lira dos Vinte Anos e Noite na Taverna;
Antonio Callado: Quarup;
Antônio de Alcântara Machado: Brás, Bexiga e Barra Funda 
Ariano Suassuna: Romance d'A Pedra do Reino;

Augusto de Campos: Viva Vaia;
Augusto dos Anjos: Eu
;
Autran Dourado: Ópera dos Mortos
;
Basílio da Gama: O Uraguai
;
Bernando Élis: O Tronco
;
Bernando Guimarães: A Escrava Isaura
;
Caio Fernando Abreu: Morangos Mofados
;
Carlos Drummond de Andrade: A Rosa do Povo e  Claro Enigma
;
Castro Alves: Os Escravos 
e Espumas Flutuantes;
Cecília Meireles: Romanceiro da Inconfidência e  Mar Absoluto
;
Clarice Lispector: A Paixão Segundo G.H. e  Laços de Família
;
Cruz e Souza: Broquéis
;
Dalton Trevisan: O Vampiro de Curitiba
Dias Gomes: O Pagador de Promessas
;
Dyonélio Machado: Os Ratos
;

Erico Verissimo: O Tempo e o Vento;
Euclides da Cunha: Os Sertões
;
Fernando Gabeira: O que é Isso, Companheiro?
;
Fernando Sabino: O Encontro Marcado
;
Ferreira Gullar: Poema Sujo
;
Gonçalves Dias: I-Juca Pirama
;
Graça Aranha: Canaã
;
Graciliano Ramos: Vidas Secas e São Bernardo
;
Gregório de Matos: Obra Poética
;
Guimarães Rosa: O Grande Sertão: Veredas e Sagarana
;
Haroldo de Campos: Galáxias
;
Hilda Hilst: A Obscena Senhora D
;

Ignágio de Loyola Brandão: Zero;
João Antônio: Malagueta, Perus e Bacanaço;
João Cabral de Melo Neto: Morte e Vida Severina
;
João do Rio:A Alma Encantadora das Ruas
;
João Gilberto Noll: Harmada
;
João Simões Lopes Neto: Contos Gauchescos
;
João Ubaldo Ribeiro: Viva o Povo Brasileiro
;
Joaquim Manuel de Macedo: A Moreninha
;
Jorge Amado: Gabriela, Cravo e Canela e Terras do Sem Fim
;
Jorge de Lima: Invenção de Orfeu
;
José Cândido de Carvalho: O Coronel e o Lobisomem
;
José de Alencar: O Guarani e Lucíola
;
José J. Veiga: Os Cavalinhos de Platiplanto
;
José Lins do Rego: Fogo Morto
;
Lima Barreto: Triste Fim de Policarpo Quaresma
;
Lúcio Cardoso: Crônica da Casa Assassinada
;
Luis Fernando Verissimo: O Analista de Bagé
;
Luiz Vilela: Tremor de Terra
;
Lygia Fagundes Telles: As Meninas 
Seminário dos Ratos

Machado de Assis: Memórias Póstumas de Brás Cubas Dom Casmurro;
Manuel Antônio de Almeida: Memórias de um Sargento de Milícias
;
Manuel Bandeira: Libertinagem  e Estrela da Manhã
;
Márcio Souza: Galvez, Imperador do Acre
;
Mário de Andrade: Macunaíma e Paulicéia Desvairada
;
Mário Faustino: o Homem e Sua Hora
;
Mário Quintana: Nova Antologia Poética
;
Marques Rebelo: A Estrela Sobe
;
Menotti Del Picchia: Juca Mulato
;
Monteiro Lobato: O Sítio do Pica-pau Amarelo
;
Murilo Mendes: As Metamorfoses
;
Murilo Rubião: O Ex-Mágico
;
Nelson Rodrigues:  Vestido de Noiva e A Vida Como Ela É
;
Olavo Bilac: Poesias
;
Osman Lins: Avalovara
;
Oswald de Andrade: Serafim Ponte Grande e  Memórias Sentimentais de João Miramar
;
Otto Lara Resende: O Braço Direito
;
Padre Antônio Vieira: Sermões
;
Paulo Leminski: Catatau
;
Pedro Nava: Baú de Ossos
;
Plínio Marcos: Navalha de Carne
;
Rachel de Queiroz: O Quinze
;


Raduan Nassar: Lavoura Arcaica e Um Copo de Cólera;
Raul Pompéia: O Ateneu
;
Rubem Braga: 200 Crônicas Escolhidas
;
Rubem Fonseca: A Coleira do Cão
;
Sérgio Sant'Anna: A Senhorita Simpson
;
Stanislaw Ponte Preta: Febeapá
;
Tomás Antônio Gonzaga: Marília de Dirceu e Cartas Chilenas
;
Vinícius de Moraes: Nova Antologia Poética 

Visconde de Taunay: Inocência.






E você, quais desses livros você já leu? 
Gosta de literatura brasileira ou apenas lê quando precisa?! 

Beijos!

21 comentários:

  1. AAH! Adoro listas também! Sempre tenhoa pretensão de cumpri-las e, por enquanto, não segui nenhuma! hehe
    Mas fiquei interessada nessa. Quem sabe dessa vez eu consiga? ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ae, listas são legais!!! <3

      Consegue, sim, Thays ^.^

      Excluir
  2. Eu também tenho uma queda por listinhas...rs
    Já li 15 dessa lista (amei e recomendo: A Vida Como Ela é, Sagarana, Memórias Póstumas de Brás Cubas), mas também já tive meus desgostos (Macunaíma, Broquéis) e desistências (O Guarani). Mesmo assim, tem muita coisa daí que ainda quero ler e/ou reler (por exemplo: Romance dA Pedra do Reino, Os Ratos, os da Clarice, Um Copo de Cólera). Acho que aos poucos eu chego lá...rs
    beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Michelle, quero ler esse ano os que você ama e recomenda e estou doida para ler Romance dA Pedra do Reino, Os Ratos :)
      Não gostei de Macunaíma, nem consegui terminar o.O

      Beijos!

      Excluir
  3. Caramba, quero ver se entro um pouco nessa. Eu desconheço muita coisa dali.
    Eu adoro Brás, Bexiga e Barra Funda. Lembra meu tempo de vestibulanda, mas como algo bom.

    Beijos
    liliescreve.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Obrigado Maura, estava realmente precisando de uma lista dessas para aumentar "um pouco" minha meta de autores brasileiros hahahahaha É muita coisa para uma vida só XD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De nada, Filipe! :D
      Ah, é mesmo! Precisaria de duas vidas para conseguir ler tudo o que desejo :X

      Excluir
  5. Sinto tanta vergonha quando penso na quantidade de autores brasileiros que ainda preciso ler.
    Lembro que eu lia obrigada na escola e pegava um pouco de birra. Depois fui reler na faculdade e me apaixonei, foi o caso de "O Cortiço" e "Dom Casmurro". Quando a gente fica mais velho esses livros passam a ter mais sentido, né?
    Vou me guiar por essa lista para separar minhas próximas leituras.
    E o blog tá lindo!
    Beijos, Maurinha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, Mih, eu também sinto :'(
      Sim!!! Com Dom Casmurro tive uma experiência frustante na escola e uma maravilhosa na faculdade, acho que o momento, as leituras e as conversas que tive sobre a obra fizeram com que ela tivesse "mais sentido" para mim :)

      Obrigada, Mih! <3

      Beijos!!!

      Excluir
  6. Maura! Eu tenho essa Revista e também sinto a mesma coisa quando leio - queria muito ler tudo e um dia penso em fazer esse projeto. Talvez um ano inteiro lendo só literatura brasileira, ainda não sei. Só que antes, senti necessidade de ler alguns clássicos, pois muitos dos nossos autores "brincam" ou fazem referência a alguns livros e é bom poder pegá-las.
    Estou aqui torcendo por seu projeto \o/

    beijo grande,
    Maira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maira, agora que você falou bateu aquela dúvida: começo a ler clássicos antes dos brasileiros?! Como você disse, muitos dos nossos autores fazem referência/brincam (o primeiro que penso é o tio M. de Assis, rs) com uma porrada de autores clássicos, bom, não sei... Acho que vou me jogar no 'projeto brasileiros' (ahahah) e ver no que vai dar :P
      Muito obrigada, querida! :D

      Beijos!

      Excluir
  7. Gostei bastante dessa seleção da Bravo e até que já li bastante coisa da lista (27, se não contei errado). Em geral não sou a maior entusiasta da literatura brasileira, não, mas tem vários autores que ainda não li e tenho vontade de conhecer, como Murilo Rubião, Lúcio Cardoso e Raduan Nassar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lígia, também tenho vontade de conhecer Lúcio Ribeiro e Raduan Nassar, bem mais o primeiro - quero encerrar 2014 com, pelo menos, um livro dele lido :)

      :*

      Excluir
  8. li 18 dessa lista. Mas tem alguns que eu tenho na estante e pretendo ler ainda esse ano. Adorei essa lista, Maurinha :D

    http://torporniilista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boas leituras, Val e... Ah, que legal saber que curtiu a lista, gosto bastante dela também :D

      Beijos!

      Excluir
  9. Já li 3 desta lista, mas confesso que não tenho interesse em ler quase nenhum deles. Morro de raiva desses títulos por causa das aulas sempre chatas de literatura na escola.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Babi, também tive umas aulas muito, muito, muito chatas de literatura na escola que me fizeram pegar raiva de vários livros brasileiros 'clássicos' porque fui obrigada a ler e foi um saco, ou melhor, uma tortura!!! :~

      Beijos!

      Excluir
  10. Essa lista apresentada é realmente muito interessante, mas vc já leram o livro "reverso? Não? É um livro que veio para marcar a história, esse é o link...

    www.buqui.com.br/ebook/reverso-604408.html‎

    busca.livrariasaraiva.com.br/saraiva/Reverso‎

    ResponderExcluir
  11. Também achei ótima a lista, mas existe o livro "reverso" que não foi citado, e na minha opinião vc não deve deixar de ler. ACESSE O LINK
    www.livrariasaraiva.com.br/.../reverso-um-livro-arrebatador-que-ira-tran...‎

    ResponderExcluir
  12. Já li doze dessa lista, na época da escola e faculdade e lembro que eu adorava, apesar da linguagem difícil. Eles marcaram época!!!! Adorei o post, parabéns pela iniciativa!!!
    Bjos

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir

Obrigada pelo comentário ^^

Respondo todos (ou quase todos) os comentários nesse mesmo espaço.
E assim que possível, retribuo a visita em seu blog/site ou te pago um café na padaria mais próxima!
Marque a opção "Notifique-me" para saber quando seu comentário for respondido e não esqueça de deixar o link do seu blog/site para eu visitar depois!

Beijos,
Maura C. Parvatis!