15 de agosto de 2013

Desejo da Semana #7: Mate-me, por favor - A História sem Censura do Punk

Mate-me, por favor - A História sem Censura do Punk, de Legs McNeil Gillian McCain é um livro que quero ler há anos, quando decidi começar a procurá-lo em bancas de jornais e livrarias, e depois em sebos, nunca encontrava: Está em falta!, é o que ouvi muito de jornaleiros, às vezes tinha a sorte de achar só o volume 2 da edição pocket da L&PM, mas acabava não comprando... Não sei o por quê, já que se tivesse o 2, só precisaria achar o 1. 

No início da semana, vi na página do Resumo da Ópera, que a L&PM havia relançado o livro completo na edição convencional e cara, eu fiquei tão feliz. FINALMENTE vou ler esse livro, espero adquiri-lo o quanto antes ^^
Confira a sinopse: 

“Antes do Sex Pistols e do Clash, antes de Malcolm McLaren armar seu circo cínico para a mídia, antes da música ficar toda politizada e discursiva, houve um punk americano que era pura emoção. Lendo Mate-me por favor, me senti como se estivesse lá... Espera um pouco, eu estava lá. Este livro conta como foi. É o primeiro livro a fazê-lo. Estou feliz por Legs e Gillian enfim terem contado a história direito.” William Burroughs 
“Hilariante e horripilante – certamente a história oral mais cativante desde Edie. Mate-me por favor faz a crônica de uma legítima época de ouro da música saborosamente relembrada pelos próprios músicos, e revela os trancos, os barrancos, os barracos e todo o resto. Um clássico.” Kurt Loder
“Este livro é um banquete de fofocas picantes e diversão garantida para qualquer pessoa familiarizada com os principais personagens do punk.” Norman Mailer
Mate-me por favor é a história definitiva e nunca antes contada sobre os anos 70 e a Blank Generation. Narrando o nascimento do que hoje se chama punk, desde a Factory de Andy Warhol até o Max’s Kansas City nos anos 60 e 70, chegando ao Reino Unido nos anos 80, os autores Legs McNeil e Gillian McCain apresentam a explosiva trajetória do mais incompreendido fenômeno pop. Fluentemente construído a partir de um coro de vozes, Mate-me por favor é uma história oral que possui todo o ritmo narrativo e a excitação de um romance. 
Em centenas de entrevistas com todos os personagens originais, incluindo Iggy Pop, Patti Smith, Dee Dee e Joey Ramone, Debbie Harry, Nico, Wayne Kramer, Danny Fields, Richard Hell e Malcolm McLaren, penetra-se nos camarins e nos apartamentos para reviver o que começou nas entranhas de Nova York como uma pequena cena artística e se tornou um verdadeiro momento revolucionário da música. Mate-me por favor começa quando o CBGB’s e o Bowery eram uma legítima terra de ninguém; revive os dias de glória do Velvet Underground, Ramones, MC5, Stooges, New York Dolls, The Doors, Television e Patti Smith Group e disseca a morte do punk – quando este se torna manchete de jornais e uma nova onda para os retardatários.


Se interessou por "Mate-me, por favor", é um livro que você leria ou... nem pensar?! 
Qual é o livo que atualmente você está desejando? Me diz aí?!

Beigos!

6 comentários:

  1. eu tenho o volume um, e quero mto comprar o dois. :D
    livro excelente. <3
    http://torporniilista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Não sei porque a L&PM demorou tanto para lançar outra edição "normal" desse livro, só sei que ele é incrível. Acho que você fez bem em não comprar os 2 volumes da edição pocket. Esse é um livro para guardar para sempre e merece uma edição digna. Certeza que você vai adorar!
    bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Michelle, também pergunto o mesmo... E o livro tão citado como referência e a única editora que o publica, nada de relançar :\
      Ansiosa para finalmente lê-lo :D

      :*

      Excluir
  3. Assim que eu vi a notícia que esse livro seria relançado eu lembrei de vc, mas vc foi mais rápida e já fez o post!

    Eu li numa edição dessas, bem antiga, com capa laranja. Tenho em formato pocket e não vejo a hora de reler. Conheci tantas bandas, redescobri tantos amores. Apaixonante!

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. <3
      E eu não vejo a hora de ler ele, Michelle, com certeza vou adorar!

      :*

      Excluir

Obrigada pelo comentário ^^

Respondo todos (ou quase todos) os comentários nesse mesmo espaço.
E assim que possível, retribuo a visita em seu blog/site ou te pago um café na padaria mais próxima!
Marque a opção "Notifique-me" para saber quando seu comentário for respondido e não esqueça de deixar o link do seu blog/site para eu visitar depois!

Beijos,
Maura C. Parvatis!