4 de fevereiro de 2013

Novos na Estante #4

Compras do mês de janeiro... e as últimas pelos próximos meses por motivos de: se ficar comprando tudo o que me der na telha, não vou pra Bienal do Rio!

 
Dia 25, aniversário da cidade... Passei na Saraiva e encontrei alguns livros vira-vira por R$ 11, 90 comprei dois livros, ou melhor, quatro! 
Sobre a Literatura, de Umberto Eco
Fernão Capelo Gaivota, de Richard Bach *a Morgana do Literalmente Vlogando falou sobre ele nesse vídeo daí acabei decidindo comprar.

E...
Fugindo do Ninho, de Richard Bach
Quase a Mesma Coisa, de Umberto Eco

Decidi chutar o pau da barraca e comprar mais livros.
No dia 23, entrei no site do Sebo do Messias, descobri que tudo estava com 20 a 50% de desconto, então fiz uma compra inusitada e uma que queria ter feito há muito, muito tempo...
Zonas Úmidas, de Charlotte Roche - a tal compra inusitada.
Eragon, de Christopher Paolini - o desejado!

No Messias, também comprei duas antologias poéticas!
Antologia Poética, de Carlos Drummond de Andrade; e 
Antologia Poética, de Federico García Lorca.

A primeira compra do ano foi essa gracinha acima...
Ele é o primeiro volume da trilogia Fronteiras do Universo que vocês já devem conhecer, a li em 2008, mas pretendo relê-la esse ano e comprar os livros nessa edição de bolso porque os livros da Objetiva é um assalto seguido de latrocínio, caríssimos! Agora só falta o segundo volume: A Faca Sutil
A Bússola de Ouro, de Philip Pullman.

Beigos!

10 comentários:

  1. Quantos livros *u* Eu quero muito ler eragon :3

    Beijos ;*
    Pepper Lipstick

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Bia, bastante, né T.T Me excedi!
      Espero que leia Eragon em breve :D

      Beigos!

      Excluir
  2. Aquele momento que os olhos brilham e você fica com cara de boba admirando a estante cheia de preciosidades novas. *-*

    Fico feliz por você. Já li alguns livros da sua lista. Os poemas de Drummond são super especiais e mexem com nossas emoções. Li Fernão Capelo Gaivota quando eu tinha 11-12 anos, gostei. Eragon também é ótimo, mas não assista o filme, é triste como o cinema acaba com o livro. Boa leitura. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adorei sua primeira frase, Taís! *_____*
      Verdade, Dreamer, pouco li do Drummond, mas os poemas com que tive contato foram responsável por momentos de leitura incríveis <3
      Não conhecia Fernão, assisti um vídeo e fiquei encantada pela história :)
      Ah, eu já assisti Eragon... Achei o filme tão ''meh'', chato! E olha que eu gosto de filmes de dragão, mas esse é pior do que aqueles que passam na Sessão da Tarde, o livro - com certeza - será melhor :)

      Beigos!

      Excluir
  3. Gostei muito das escolhas. Abriu a mão mesmo e saiu comprando de tudo, não é? Hahahaha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHA, bem isso mesmo, Babi, abri a mão e comprei coisa que ficarei durante muito tempo pensando: Por qual motivo comprei isso? T.T

      Beigos!

      Excluir
  4. Olá !!!
    Obrigada pela visita no blog !
    Que compras maravilhosas as suas !!!! adorei !! Muitos livros ótimos aí!
    bjos
    Melissa
    http://decoisasporai.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Melissa, de nada ^^
      Têm vários livros bacanas mesmo, rs

      Beigos!

      Excluir
  5. Tem um mês mais ou menos e eu troquei Eragon no skoob, mas fiquei chateada com a edição de bolso, o livro não tem sinopse. o.O
    Doida pra ler A bussola de ouro.

    Bjs, @dnisin
    http://www.seja-cult.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Denise!
      Sua edição deve ser como a minha, sem sinopse... e orelhas :\
      Espero que leia A Bússola, é muito BÃO!

      Beigos!

      Excluir

Obrigada pelo comentário ^^

Respondo todos (ou quase todos) os comentários nesse mesmo espaço.
E assim que possível, retribuo a visita em seu blog/site ou te pago um café na padaria mais próxima!
Marque a opção "Notifique-me" para saber quando seu comentário for respondido e não esqueça de deixar o link do seu blog/site para eu visitar depois!

Beijos,
Maura C. Parvatis!