29 de outubro de 2010

O Meme de um Mês: Dia 29 – O que você espera, os sonhos e planos para os próximos 365 dias


Eu espero muita coisa, ADMITO. 
Espero conseguir uma vaga naquela universidade ou não. Ainda estou decidindo se presto o vestibular ou deixo 2011 para ser um ano dedicado aos estudos para tentar aquelas outras universidades, como USP, sabe, haha. 
Nos próximos 365 dias, eu correrei atrás de um emprego, chega uma época na vida que precisamos de nosso próprio dinheiro e eu também preciso de mais livros para a minha biblioteca pessoal que aos poucos está aumentando. 
E o emprego dos sonhos seria: bibliotecária ou funcionária de uma livraria, imagina a felicidade que seria minha vida lendo os livros do acervo da biblioteca nos momentos de folga - ok, isso parece ser errado mas deixem-me sonhar um pouquinho, hihi!
Um namorado não seria pedir muito, ou seria? E o namorado dos sonhos também não é muito: tem que tomar muito café, gostar de música, falar poucas gírias - já basta eu, falando 9 gírias entre 10 palavras, não se importar em perder horas em uma livraria, sebo, banca de jornal comigo, ele tem que ser paciente e ser um bom ouvinte porque eu falo MUITO e ser uma pessoa comunicativa excessivamente não é um defeito, é algo apenas constrangedor e hilário. 
Pensando bem, tirarei o namorado dos sonhos para o próximo ano.
Espero que ano que vem saiba para onde quero ir, continuar na Bahia ou rumar para o Sudeste ou retornar para minha terra, Paraíba. 
A ideia de arrumar minha mala e partir para o desconhecido não está em meus planos. Sou sagitariana, adoro aventuras mas não desejo passar por apertos, gosto de tomar meu leite quente e encostar a cabeça no travesseiro e ter preocupações fúteis como: ''Preciso devolver o livro que peguei na biblioteca'', ''Tenho que limpar os armários da tia para conseguir aqueles 15 reais e pagar a outra tia''. Quando vejo algum amigo falando que vai vazar, assim, sem uma segurança, moradia, trabalho, paitrocínio, me desespero... Pessoas inteligentes, cheias de planos e desesperançadas vêem seus sonhos morrerem ao saírem da casa dos pais em busca da tal independência. Completarei 18 anos em dezembro mas não desejo sair da casa de meus pais, gosto deles palpitando em minha vida, sinto-me amada, por duas pessoas ao menos!
Mas, deturpando um pouco a postagem, direi as coisas que quero: 
Quero meu cabelo na cintura, eita, sonho besta! 
Quero um all star novo. 
Quero todos os livros que já foram citados no Quero Ler. 
Quero meu irmão mais velho para que ele volte a me pagar lanches nas padarias da vida, e desejar dar um passeio de um mês na cidade de São Paulo não é muito, é pouco tamanha minhas saudades daquele caos (des)organizado que é a minha megalópole :') 
As coisas que espero, sonho, os planos para o próximo ano ainda são turvos, ainda estou analisando-os e descartando os inviáveis - aqueles que sei que só conseguirei daqui alguns anos, botando os pés no chão, né!, porque eu ainda sou uma adolescente, 17 com cara de sei lá quantos e eu não sou daquelas que vivem apenas o hoje, seria dar um tiro no pé :s, vivo o hoje com um olhar no ontem e outro, olhos arregalados, para o futuro que só existirá se eu viver e planejar, não concretizar ou sim, hoje. 

Para mais informações sobre O Meme de um Mês, clique aqui. E para ver os outros dias, aqui.

Um comentário:

  1. e eu espero continuar vendo seu sorriso, e escutando sua risada chata APOIEOEPIAEPOieoAEIAeopieaoEIAéaieaoEPIAE´PAOEAOEIAPI zuando

    ResponderExcluir

Obrigada pelo comentário ^^

Respondo todos (ou quase todos) os comentários nesse mesmo espaço.
E assim que possível, retribuo a visita em seu blog/site ou te pago um café na padaria mais próxima!
Marque a opção "Notifique-me" para saber quando seu comentário for respondido e não esqueça de deixar o link do seu blog/site para eu visitar depois!

Beijos,
Maura C. Parvatis!