9 de junho de 2010

Desafio 10 livros em 10 dias - Partes 2 e 3

Como ontem não parei e fiz a segunda postagem do Desafio 10 livros em 10 dias, hoje farei essa postagem dupla.
Segue-se abaixo a sequência referente ao 2° dia e ao 3° dia, na ordem:

Livro que você mais odiou:
Maldosamente eu poderei citar dezenas de livros que supostamente odiei... Ia citar escolher O Guarani do José Alencar mas depois de muito refletir percebi que minha relação com esse clássico não era de ódio e sim, a relação que tenho com meu irmão: nos odiamos mas sempre precisamos um do outro, (risos). Mesmo tendo o lido contra a minha vontade num período de curto da minha vida, mas ao mesmo tempo longo, leia-se Ensino Médio. 
O Guarani já me ajudou muito enquanto estudava Romantismo, ser a única aluna a lê-lo foi ótimo quando fizemos as provas, uma delas referente a adaptação para o cinema do livro. Então para esse 2° dia, eu afirmo: ainda não tenho nenhum livro que odiei, verdadeiramente, apenas num momento.

Livro mais barato que você comprou:

Foi Os Sonhos Morrem Primeiro do Harold Robbins pela bagatela de R$ 2,00.

A história por trás desse livro é engraçada: eu estava morrendo de fome, tinha menos de 3 reais no bolso mas antes de ir numa loja de doces e comprar alguma besteira passei numa sebo do meu antigo bairro e remexendo na sessão de livros de 2 real encontrei ele, também tinha outro livro do Robbins, prometi comprá-lo e até hoje ainda não o fiz, comprei apenas Os Sonhos e fui para casa, com fome, mas feliz, chegando em casa, acho que comi algo e li esse livro.
*
O livro traz como protagonista Gareth, um ex-soldado da guerra do Vietnã que, embora de família rica, vive às custas de salário desemprego, quase como um vagabundo. Seu tio Lonergan, um homem misterioso que tem negócios suspeitos tem um relacionamento nada cordial com o sobrinho. É que Gareth, na verdade, sabe que seu pai se matou e que seu tio contribuiu para isso. Mas, mesmo assim, Lonergan lhe oferece ajuda, comprando um jornal de bairro para que ele administre. A partir daí, diversos personagens aparecem na história, com o autor colocando em discussão temas como o homossexualismo e o preconceito. De um jornal medíocre e falido, Gareth cria uma revista masculina, a Macho, vira editor, tornando-se uma pessoa muito rica e figura importante no mundo financeiro e publicitário.

Sinopse retirada daqui.

Um comentário:

  1. apoieaOPEIaepoaieapoei bem a cara de sua atual cidade, e o pior que as vezes acontece isso com a gente e com pessoas que amamos.Mais sempre superamos e ficamos firmes para o próximo julgamento :/

    ResponderExcluir

Obrigada pelo comentário ^^

Respondo todos (ou quase todos) os comentários nesse mesmo espaço.
E assim que possível, retribuo a visita em seu blog/site ou te pago um café na padaria mais próxima!
Marque a opção "Notifique-me" para saber quando seu comentário for respondido e não esqueça de deixar o link do seu blog/site para eu visitar depois!

Beijos,
Maura C. Parvatis!